Devocional - Terça-Feira 11/08/2020

PILOTANDO A MOTO





“Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” João 8:36.

Um motociclista me contou o seguinte relato: Muitas pessoas não conseguem entender por que gosto de pilotar moto. Em dias ensolarados, piloto na zona rural, desfrutando do ar puro. Você se sente mais novo. Você se esquece de suas responsabilidades e problemas e da monotonia da rotina diária. Você se sente livre como um pássaro no céu.

No entanto, às vezes penso se sou realmente livre como me sinto. Não é somente um sentimento de curta duração? Tenho de admitir que, em vez de resolver meus problemas, só os coloco de lado.

Mas sou profundamente agradecido por ter conhecido outra forma de liberdade: a verdadeira. Não é somente uma emoção passageira, mas uma realidade constante. Conheci Jesus Cristo, o Filho de Deus, e aprendi que Ele de fato pode me libertar. Ele me tirou o medo da morte e a indiferença.

Porém, a coisa mais importante é: Ele arrancou minha culpa. Levou muito tempo antes de eu perceber que estava carregando um fardo pesado de culpa a vida inteira. Um dia não pude mais suportar. Alguém me disse como me livrar dos meus pecados. Confessei o que esmagava minha consciência: a incredulidade, ódio e mentiras tudo o que estava entre mim e Deus. E nesse momento senti como se pesadas correntes se soltassem do meu coração.

Como muitos outros, eu acreditava na existência de Deus. Mas não achava possível que alguém pudesse ter um relacionamento pessoal com Ele, nem experimentar a verdadeira e profunda paz até aquele dia!

E você, querido leitor, que moto você tem pilotado? Pois saiba que há um Deus que quer se relacionar com você e lhe dar um tipo de liberdade que nada neste mundo pode conceder.


Extraído do O Mensageiro - Deus Ama Você

15 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
LOCALIZAÇÃO

Rua: José Adriano de Freitas - 427

Bairro: Rocio 1 - CEP 84130-000

Palmeira - PR

Fone: (42) - 3252-4350

ENTRE EM CONTATO

Obrigado por enviar!

  • Grey Facebook Icon

P R O M O V E N D O   V I D A   E   D I G  N I D A D E   E M   J E S U S