Devocional - Sexta-feira 16/04/2021


Ele (Jesus) respondeu e disse: Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. Então ela veio e o adorou, dizendo. Senhor, me ajude! Ele, porém, respondeu: Não é bom pegar o pão dos filhos e jogá-lo nos cachorrinhos. E ela disse: Sim, Senhor, mas até os cachorrinhos comem as migalhas que caem da mesa de seus donos.

Mateus 15: 24-27 .


Deus oferece redenção a todos no mundo inteiro por meio da morte expiatória do Senhor Jesus Cristo. Durante Sua vida na Terra, porém, as tarefas de Jesus foram em grande parte restritas ao povo de Israel.

A mulher de Canaã em nosso texto acima estava em uma situação problemática com sua filha; ela não tinha direito à ajuda de Jesus. Mas ela permaneceu determinada: ela precisava de uma ajuda que só o Filho de Deus poderia lhe dar.

Se ao menos fôssemos tão razoáveis ​​e perseverantes como ela! Então haveria esperança, mas não no sentido de que “Se Ele é Deus, então deve me ajudar. Por que mais Ele está lá? " Quem quer que tenha tais pensamentos deve entender que não podemos exigir de Deus nossos próprios interesses.

A mulher cananéia sabia que não tinha direito à ajuda de Jesus para sua filha. Não poderia ser obtido por ação legal. No entanto, havia os meios da graça, como ela deu a entender, dizendo: “Mesmo assim, até os cachorrinhos comem as migalhas”.

Não foi o problema terrível que tornou aquela mulher engenhosa, mas sua confiança no Filho de Deus e em Sua graça. Essa confiança nunca é frustrada - nem então nem agora. Jesus respondeu à mulher: “Ó mulher, grande é a tua fé! Que seja como você deseja. ”


Leitura de hoje: Deuteronômio 28: 15 - 32 · Gálatas 4: 21 - 31

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo