Devocional - Segunda-feira 16/08/2020


Quando Ele (Jesus) passou, Ele viu Levi, o filho de Afeu, sentado no escritório de impostos. E Ele disse-lhe: Siga-me. Marcos 2: 14 .



Jesus Cristo fala às pessoas em quaisquer circunstâncias da vida em que elas se encontram e lhes diz para segui-Lo. Essa ligação também foi feita para o cobrador de impostos Levi. Ele deveria seguir Jesus imediatamente e acompanhá-lo pela terra como um dos doze apóstolos.

Os cobradores de impostos eram nomeados pelos poderes romanos dominantes. Eles obtiveram seu direito e autoridade por um preço alto e tiveram que entregar os impostos e taxas cobrados em sua área. Também lhes deu a oportunidade de liberar pagamentos indevidamente altos para seu próprio benefício. Portanto, os cobradores de impostos em Israel tinham má reputação.

Os líderes religiosos do povo falavam deles como “publicanos e pecadores”, marcando-os como particularmente vergonhosos em comparação com outros pecadores.

O chamado de Jesus, no entanto, se aplica a todas as classes de pessoas: aqueles que levaram uma vida honrosa até agora e que vivem claramente em pecado e são desprezados pelos outros. Todos têm a possibilidade de começar uma vida completamente nova com Jesus, o Senhor.

Levi ouviu Seu chamado: “Siga-me!” e não hesitou. Ele confiou em Jesus e aproveitou a chance.

Ele havia considerado o assunto de antemão? João Batista já havia chamado o povo a mudar seus caminhos, e os desprezados cobradores de impostos prestaram mais atenção à sua mensagem do que os fariseus satisfeitos (cf. Lucas 7: 29,30 ).

Se Levi ansiava por outra vida anteriormente, não sabemos. Uma coisa é certa: quando Jesus o chamou, ele estava pronto para deixar sua velha vida para trás e seguir o Senhor.


Leitura de hoje: 1 Reis 8: 1-11 · João 6: 47-59

22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo