Devocional - Quarta-feira 13/11/2021

Impiedade e piedade



Exercite-se em direção à santidade. Pois ... a piedade é proveitosa para todas as coisas, tendo a promessa da vida que agora existe e da que há de vir.1 Timóteo 4: 7,8 ; 6: 6.


Quando eu estava estudando, três anos após maio de 1968, o ateísmo prevalecia entre os estudantes. Um era marxista ou considerado irrefletido e atrasado. Mas as coisas mudaram. No entanto, depois de várias décadas de ateísmo militante, a atração pelas coisas espirituais ainda está longe de desaparecer. Rússia e China são exemplos de fome espiritual. Ambos os países procuraram erradicar qualquer ideia de Deus, e ambos tiveram que admitir que ela sobreviveu entre aqueles que lutaram por ela.

O ateísmo pode parecer menos agressivo em um nível intelectual no momento, mas não é menos ativo na prática. As pessoas não se opõem a Deus, mas vivem como se Deus não existisse. A Bíblia tem uma palavra para esse comportamento: impiedade. É ignorar Deus em todas as coisas, bani-lo de nosso pensamento, não orar e desconsiderar a questão do bem e do mal - desprezar a Deus e Sua Palavra.


Queridos amigos cristãos, também nós corremos o risco de ser apanhados nesta impiedade, se nosso relacionamento com Deus ficar distante. A impiedade é como o pecado principal (cf. Romanos 1.18 ), influenciando toda a nossa vida. Em contraste, a piedade é a base de uma vida verdadeiramente espiritual. Consiste em manter nossa relação com o Senhor orando, ouvindo e confiando nEle. A piedade também tem um aspecto coletivo, quando nos reunimos com outros crentes para orar, ler a Bíblia ou adorar a Deus. A piedade está inseparavelmente ligada à fé e nossa reverência para com Deus.


Hermam wacher


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo